Contos de viagem, dicas, vitórias e derrotas

 
 

Começando nossa manhã na região da Bastille

Paris, 29 de Novembro de 2017 Depois de ter passado um dia muito bacana em Reims, estávamos de volta a Paris, animados para continuar nossas andanças pela cidade luz! A ideia para essa manhã era tomar café na Blé Sucré, uma boulangerie bem recomendada que fica na região da Bastille. Em seguida, exploraríamos essa área, começando pela Rue du Faubourg-Saint-Antoine e, inicialmente, indo até a Place […]

continua...  

 
 

Le Grenier de Notre Dame – O primeiro restaurante vegetariano de Paris

Paris, 26 de Novembro de 2017 Quando descemos das Torres de Notre Dame, a fome já estava batendo e a hora bem avançada! Tínhamos que parar para almoçar e repor as energias antes de continuar nosso passeio. Em busca de um restaurante, começamos a andar em direção ao quartier latin quando avistei algo que sem dúvidas agradaria muito a Bea (e a mim nem tanto […]

continua...  

 
 

Macarons Jean-Paul Hévin e Fromagerie Griffon

25 de Novembro de 2017 Para fechar bem os relatos sobre esse dia 25/11… Assim que Amanda terminou de brincar no carrossel, continuamos nossa andança pelo 7° arrondissement. Dessa vez a missão era encontrar e experimentar macarons de um dos mais premiados chocolatiêrs da França: Jean-Paul Hévin! Depois de alguma confusão com o GPS e umas voltinhas a mais (hehe), chegamos até a avenida onde […]

continua...  

 
 

Copenhague – parte 2: do hippie ao consumismo

Mais um pouco de caminhada por Copenhague e chegamos à estátua da Pequena Sereia (The Little Mermaid), esculpida em 1913 em homenagem ao conto infantil de mesmo nome escrito pelo dinamarquês Hans Andersen em 1837. Essa talvez seja a “grande” atração da cidade (entre aspas pois a estátua é de fato bem pequena). Ainda próximo dali estão o Palácio Real de Amalienborg (Amalienborg Slot), na […]

continua...  

 
 
Nyhavn - from Wikipedia

Copenhague – parte 1: uma grande pequena cidade

Copenhague, Copenhagen, København. Uma grande pequena cidade. Assim pude definir a capital da Dinamarca. Como qualquer capital, é agitada com pessoas para lá e para cá com seus afazeres se misturando aos turistas. Ótima infraestrutura para bicicletas, com sistema público de aluguel, milhares de bicicletários por toda a cidade, malha cicloviária muito desenvolvida e um sistema extremamente organizado. Tudo contribuindo para um tráfego de carros […]

continua...  

 
 

O novo coração de Paris

Após 5 anos de obras, foi inaugurado no dia 5 de abril pela prefeita Anne Hidalgo a parte mais vistosa do novo Les Halles de Paris. A concepção de uma estrutura “leve, fluida e translúcida”, segundo os arquitetos e criadores Patrick Berger e Jacques Anziutti, recebeu o nome de Canopée, algo como “copa” (em referência à copa de uma árvore).   Completamente diferente do que havia […]

continua...  

 
 

arquivo de viagem