Contos de viagem, dicas, vitórias e derrotas

 
 

Voando Air France do Rio para Paris

pelo mochileiro , em

 

Depois de contar um pouco sobre os bastidores e preparativos da viagem no post anterior, é hora de falar sobre nosso voo e chegada a Paris!

21 de Novembro de 2017

As nossas malas já vinham sendo arrumadas há mais de um mês já que a maioria das roupas que usaríamos na Europa não condiziam com o calor da cidade maravilhosa. Claro que sempre faltam detalhes de última hora mas, apesar da correria no final, conseguimos chegar no Galeão com bastante folga e tivemos tempo suficiente para despachar as malas e caminhar calmamente pelos longos corredores do novo Terminal 2.

PESO DAS MALAS

Falando em malas, comprei as passagens em Junho (5 meses antes da viagem) e essa compra nos deu direito a despachar 6 (seis) malas de 32Kg cada. Na prática despachamos apenas duas. Uma estava pesando 18kg e a outra pesava 28kg. Ao pesar a mala de 28kg a agente da Air France nos informou que na volta, caso trouxesse mais coisas, eu precisaria provar no aeroporto que tinha direito a 32kg/mala ou redistribuir o peso entre mais malas já que eu tinha direito a seis. Isso porque, em algum momento entre a compra da passagem e a viagem, o limite máximo de peso por mala havia sido alterado de 32 para 23kg.

Sinceramente achei um pouco sem noção EU ter que provar que tinha direito a 32kg por mala … mas como tinha tudo certinho, impresso e em pdf, estava seguro que isso não seria um problema na volta.

EMBARQUE E ASSENTOS

No caminho até o gate, Amandinha, admirada, ia “conversando” com as enormes aeronaves que avistávamos do lado de fora! Eu, é claro, tinha que simular as vozes dos aviões para manter as “conversas” fluindo rsrs.

A hora do embarque chegou e, por estarmos com criança, acabamos não ficando muito tempo na fila. Entramos e logo nos acomodamos nos assentos  30J, 30K e 30L do BOEING 777 da Air France.

Voar de Air France não era uma novidade pra mim. Nas quatro vezes anteriores que fui para a Europa, somente em 2013 que voei de KLM que, na verdade, faz parte da mesma empresa.

Apesar disso, havia sim uma novidade. Uma coisa havia mudado desde a última vez que voei Air France: Agora, se eu quisesse escolher os assentos no momento da compra da passagem, eu tinha que pagar um extra…. uma “taxa de reserva de assento”. Caso eu não quisesse pagar, eu deveria então esperar até 30hs antes do voo e fazer a escolha de assentos não reservados gratuitamente.

Essa “nova regra” me deixou… digamos … um pouco irritado. Afinal, a passagem não é exatamente baratinha… ter ainda que pagar pra escolher assento achei um pouco demais… enfim, no final, para garantir um lugar cômodo e sequencial, acabei comprando, pelo menos para a ida, o 30J pra mim e o 30L para a Bea. Entre esses dois assentos, existe o 30K que eu não paguei a reserva e a Air France alocou automaticamente para Amanda .

Dentro do Boeing da Air France ainda em solo no Galeão

 

VOO

Devidamente acomodados, as 17:35 em ponto decolamos suavemente rumo a Paris!

Logo no início do voo a tripulação oferece champagne (vídeo aqui) como boas-vindas e também como aperitivo para o jantar que estava prestes a ser servido. Muito bom começar assim! De maneira descontraída, dando uma relaxada pois seria um looongo voo, cerca de 11 horas direto! Nessa hora, Amandinha já estava cochilando e não foi muito fácil convencê-la a acordar para jantar, não! rs

Já nos ares, degustando champagne

Carinha de sono

Para entrar no clima do nosso destino, durante o voo assisti novamente o filme Meia Noite em Paris do Woody Allen. Muito bom! Já Amandinha, quando acordada, assistia o Poderoso Chefinho. Bea, por sua vez, ouviu e gostou muito do álbum de Bossa Nova da francesa Pauline Croze além de assistir Mulher Maravilha e Piratas do Caribe. Realmente, só com muito entretenimento a bordo para ajudar a passar as 11 horas de voo… rsrs

Eu ainda pioro as coisas pois fico toda hora olhando a rota e localização do avião em tempo real…. hehe Fiz um vídeo (aqui) mostrando um pouquinho do Mapa Interativo / Flight Path 3D quando estávamos sobrevoando a Espanha. Essa versão é bem legal. Tem até simulação de visão a partir do cockpit mostrando na mesma tela o horizonte e os controles de velocidade e altitude. Ah, no vídeo também aparecem Bea e Amandinha apagadas enquanto o ansioso aqui não conseguia desligar. rsrs

Chegada no Charles de Gaulle e Imigração

Finalmente, depois das longas horas, pousamos no aeroporto Charles de Gaulle em Paris! O horário local era 7:30AM. Saímos da aeronave e embarcamos num ônibus que nos levou até o terminal 2E.

A imigração foi super tranquila. A única pergunta que fizeram foi: “Onde está a terceira pessoa?” isso porque entregamos três passaportes e a Amanda, devido a altura, estava fora do campo de visão do agente… rs. Pegamos Amanda no colo, recebemos um sorriso e um carimbo em cada passaporte antes de seguirmos para pegar nossas malas.

Dessa vez, como na maioria das vezes, não houve questionamentos. Porém, caso houvesse interrogatório, estávamos preparados, com todos os documentos críticos em mãos: Comprovação de reserva de hospedagem, passagem de volta, seguro viagem e etc. O Gustavo, nosso amigo aqui do blog, fez um vídeo bem completo dando dicas importantes sobre o que é necessário para não ter dores de cabeça no momento da  imigração. Vale a pena dar uma conferida!

Por enquanto é isso! No próximo post falo mais sobre nosso primeiro dia em Paris!

Abcs

Renato Vieira